Afro Press comemora oito anos na Assembléia Legislativa

por Luiz Paulo Lima

“…Quando falamos da presença negra nas comunicações, eu sempre lembro das pesquisas do Sociólogo  Clóvis Moura, quando revela o quanto a história da imprensa Negra no Brasil continua  desconhecida. Hoje revisitamos os fac-similes da Tribuna negra,o Mutirão, Getulino,Novo Horizonte, O Patrocínio,A Voz da Raça, O Menelick entre muitos veículos feitos por negros que circularam nestes dois últimos séculos, e conseguimos através deles ler e entender o inverso ou o “avesso do avesso” do Brasil que insiste em não querer colocar  na sala de estar da “Casa grande” a sua verdadeira face. A liberdade de imprensa torna-se fundamental para fazermos a crítica e a auto-crítica com a responsabilidade de sempre, pois o nosso momento histórico exige que assim seja. A Afropress esta situada  neste contexto, a sua autonomia e independência produz, muitas das vezes um “remédio amargo”  pouco palatável nas suas críticas porém  abre o mesmo espaço para o debate dos envolvidos. Portanto dou meus parabéns á equipe da Afropress na figura do Jornalista Dojival Vieira,pois como o Menelick de 1916, que lidava também com essa quase missão de tratar os temas  contemporâneos sejam eles quais forem à luz da construção para além da questão racial, mas da  cidadania….”

VEJA A PROGRAMAÇÃO COMPLETA DO I ENCONTRO DE LEITORES DA AFROPRESS

Mesa redonda sobre “A História da Imprensa Negra no Brasil: desafios e perspectivas”

Presenças confirmadas:

Oswaldo Faustino, escritor e jornalista (ex-Estadão)

José Augusto Camargo (Guto) – Presidente do Sindicato dos Jornalistas de S. Paulo

Maurício Pestana – Editor executivo da Revista Raça Brasil

Flávio Carrança – Jornalista da Comissão da Igualdade Racial de S. Paulo (Cojira/SP)

Luiz Paulo Lima – Núcleo de Comunicações da Rede  Kultafro

Juliana Gonçalves dos Santos – Comunicação do CEERT

Rosenildo Gomes Ferreira – Editor assistente da Revista Isto É Dinheiro

Francisca Rodrigues – Comunicação da Faculdade Zumbi dos Palmares/Afrobras

18h30 – Debate: “Linha editorial da Afropress”

Apresentação: jornalista responsável e editor Dojival Vieira

19h – Ato solene pelos 8 anos da Afropress – Agência Afroétnica de Notícias

Mesa:

Deputados:

Adriano Diogo – Presidente da Comissão de Direitos Humanos e da Comissão da Verdade “Rubens Paiva” da ALESP

Leci Brandão – Deputada estadual, integrante da Comissão de Educação e Cultura da ALESP.

Elisa Lucas Rodrigues – Coordenadora de Políticas para as Populações Negra e Indígena da Secretaria de Justiça de S. Paulo

19h30 – Lançamento da campanha “Corra atrás do seu direito – em defesa dos negros perseguidos pela ditadura militar”. Campanha que orientará ativistas e militantes negros a se organizarem para ingressar com processos com base na Lei 10.559/2002, buscando a anistia e a reparação

Apresentação:

Ana Paula Marchiori – Advogada de perseguidos políticos da ditadura

20h – Homenagens aos profissionais de comunicação comprometidos com a causa da igualdade no Brasil.

20h30 – Encerramento.

PromoçãoAfropress – SOS Racismo – Comissão da Verdade Rubens Paiva e Comissão de Direitos da Assembléia Legislativa – Presidência Deputado Adriano Diogo.


Leave A Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *