Continente da próxima década.

Por Ivair Alves Dos Santos

Numa visão otimista sobre o potencial de crescimento da África, depois de ouvir, ler diariamente sobre esta parte do mundo que tem uma taxa de crescimento muito alta, e está se acelerando, há previsão de crescimento da África de 6% nesta década. Com países com índices acima de 10%. Impressiona, mas há pouco debate nos Núcleos de Estudos sobre Africa nas Universidades.

O continente precisa melhorar sua tecnologia, educação, padrões de governança e continuar a fortalecer suas relações comerciais e de infra-estrutura. A democracia desempenha um papel central na retomada do desenvolvimento econômico do continente, a geração de empregos de qualidades para a a juventude é o grande desafio.
Seria importante que todos as pessoas no Brasil que estão discutindo, estudando escrevendo sobre os dez anos da Lei 10639 de 2003, também olhassem para os aspectos de crescimento econômico da Africa. Uma breve olhada sobre a troca comercial do Brasil com Angola, impressiona pelo volume de recursos e o numero de empresas que estão exportando. Em 2012 foram cerca de 1183 empresas exportando só para Angola.
A militância do movimento negro trabalhou durante décadas para que o Brasil se aproximasse do continente africano. Foi durante décadas uma voz isolada. Cantamos poemas, musicas, sonhamos sobre Africa, brigamos para que o continente fizesse parte dos livros didáticos. Quais seriam os nossos desafios na relação Brasil e Africa do século XXI ?

Leave A Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *